Da série
Bairros Cariocas
03 Abril 2013
0
0
0
s2sdefault
 

PARQUEMADUREIRA3Além do Botequim Imperial, das feijoadas, dos ensaios e de outros eventos que costumam acontecer na quadra do Império Serrano, e das atividades do Centro Cultural Jongo da Serrinha, Madureira proporciona inúmeras oportunidades de lazer. O bairro tem salas de cinema e, a exemplo do Leblon, Gávea e Méier, também tem seu “baixo”. O Baixo Madureira fica entre a estação de trem e a Estrada do Portela. O trecho, com diversos restaurantes, bares e uma boate, é onde fervilha a vida noturna do bairro e se localiza o Espaço Cultural Rio Charme, que funciona sob o viaduto Negrão de Lima.

O Rio Charme surgiu junto com a fundação, em 1990, do bloco carnavalesco Pagodão de Madureira, que promovia seus encontros debaixo do viaduto. No mesmo ano, começou a história do baile Charme na Rua, com apresentação dos DJs residentes Markin New Charm, Kally e Loopy, que na estreia dividiram o toca-discos com outros DJs, como Marlboro, Fernandinho e Corello. Madureira, contudo, também tem espaços de lazer diurno e para quem gosta de praticar atividades físicas.

Parque

PARQUEMADUREIRA1Inaugurado em 23 de junho de 2012, o Parque Madureira é uma área pública com 93 mil metros quadrados. Mais de um terço desse espaço é ocupado por gramado, árvores e arbustos. O restante da área é formado por lagos, pérgulas, arena de eventos, quadras esportivas, quiosques, pista de skate, lago, fontes, ciclovias, espaço para a terceira idade e centro de educação ambiental. Há, ainda, uma Nave do Conhecimento, com teto ecológico, cinema ao ar livre, espaço multiuso e oferta de vários cursos, especialmente na área de novas tecnologias. O parque também tem uma Praça do Samba, com palco em forma de concha acústica e capacidade para 3 mil pessoas em pé e 350 sentadas, além de área reservada aos cadeirantes.

Capela

A Capela de São José da Pedra é localizada na Serra de Madureira. Há quem a chame de “Corcovado do Bairro”, por causa da vista panorâmica que proporciona de toda a região. Sua construção teve início em 1901, por ordem de três caçadores que, alguns anos antes, encontraram uma imagem de São José numa pedra sob a qual tentavam se abrigar de uma forte chuva. Em 1931, a capela foi reformada. Para chegar até ela, é preciso subir 366 degraus.

Voltar à matéria principal

Veja também:
Bairros Cariocas
Mais da Série
Relacionados
Mais Recentes